quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

#1422



É verdade: não sou uma pessoa perfeita. Cometo erros. Magoo-te. Tenho um ar duro e personalidade forte. Não cedo só porque sim, nem deixo de ser eu mesma só para agradar. Sou difícil. Muitas vezes distante. E quase impossível de aturar.

Pois é, não sou perfeita. Consigo enumerar muito daquilo que tu não gostas em mim.

É, não sou perfeita.
Mas eu também não gosto de pessoas perfeitas: prefiro pessoas reais. Nisso te garanto que SOU!

quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

#1421



Porque não há pessoas perfeitas, mas quem nos seja perfeito a nós. Porque todos somos feitos de falhas, de erros, de medos, de dúvidas e de inconstâncias; mas somos também construídos de tudo o mais que nos torna perfeitos no coração do outro. De risos, amor, conforto, protecção, abraços, vontades, conversas, paixão, mimo ou segurança. Porque a perfeição não existe e ninguém a ambiciona. Porque, se nos desconstruirmos e nos permitirmos, ambicionamos exactamente o mesmo. Porque se batalha quando se quer. Porque, quando se quer, tudo é permitido. Porque, quando se deixa, se ganha.

Não há pessoas perfeitas. Mas há vontades perfeitamente perfeitas. Há quem seja perfeitamente imperfeito. E seja perfeito.

É. Para mim és perfeito. Sim, tu!

segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

#1419


Ti amo
Un soldo
Ti amo
In aria
Ti amo
Se viene testa vuol dire che basta lasciamoci
Ti amo
Io sono
Ti amo
In fondo un uomo
Che non ha freddo nel cuore
Nel letto commando io
Ma tremo davanti al tuo seno
Ti odio e ti amo
E una farfalla che muore sbattendo le ali
L'amore che a letto si fa
Rendimi I'altra meta
Oggi ritorno da lei
Primo Maggio
Su coraggio
Lo ti amo e chiedo perdono
Ricordi chi sono
Apri la porta a un guerriero di carta igienica
E dammi il tuo vino leggero
Che hai fatto quando non see'ero
E le lenzuola di lino
Dammi il sonno di un bambino
Che 'ta' sogna cavalli e si gira
E un po' di lavoro
Fammi abbracciare una donna che stira cantando
E poi fatti un po' prendere in giro
Prima di fare I'amore
Vesti la rabbia di pace e sottane sulla luce
Lo ti amo e chiedo perdono
Ricordi chi sono
Ti amo
Ti amo
Ti amo
Ti amo
Ti amo
E dammi il tuo vino leggero

domingo, 23 de Novembro de 2014

#1418



E eu sei. Eu sei que é tanto. Sei que é imenso o que nos une. Que por mais voltas que dermos o tempo não nos desliga. Que há sentimentos que não se quebram. Que há ligações que não se perdem. Que enquanto espero, tu aguardas. Que enquanto luto, tu batalhas. Que enquanto eu quero, tu ambicionas. Que quando eu venço, tu ganhas.

E eu sei. Sei que aquilo que é forte o tempo não apaga. Que quem espera desespera, mas também alcança. Que a solução existe e a persistência insiste. Que a presença conforta. Que a ausência traz o vazio. Que a saudade corta, mas fortalece.

E eu sei. Que não é um sonho. Que a realidade é dura, mas existe. Que o mundo é nosso. E de ninguém mais.

E eu sei. E tu sabes.

sábado, 22 de Novembro de 2014

#1417



Um bom dia juntos. Inteiros. Um bom dia dos dois. Unicamente nosso. Um bom dia ao ouvido e em surdina.

Um bom dia com certezas. Com determinações.
Com garra e convicções.

Um bom dia com sorrisos e mãos dadas.
Com um abraço que não esmorece e um beijo que apetece.

sexta-feira, 21 de Novembro de 2014

#1416



Se sem ti vivo, continuarei a viver - ou a "subviver". Não preciso de ti: mas quero-te.
Não preciso de ti para respirar: mas o ar contigo é mais leve.
Não preciso que estejas aqui: mas quero partilhar contigo o mesmo espaço.
Não preciso de ti para sorrir: mas o meu sorriso ganha outra cor.
Não preciso de ti para viver: mas os dias contigo são sempre de sol.
Não preciso de ti para fazer uma birra: mas contigo as discussões são mais giras.
Não preciso de ti para um beijo: mas o sabor do teu é o que me sacia.
Não preciso das tuas mãos em mim: mas são essas que me levantam.
Não preciso de ti para um abraço: mas o teu é que me protege do mundo.
Não preciso de ti para ser eu: mas o nós é o que me fascina.

Tenho uma vida. Tenho os meus dias. Tenho as minhas birras. Tenho os meus sorrisos. Tenho as minhas maneiras de ser. Tenho as minhas coisas e manias. Tenho-me a mim.

É. Não preciso de ti. Mas quero-te.
Tanto e sempre.

quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

#1415



Adormecer contigo. Adormecer aconchegada na tua respiração ao meu ouvido. Adormecer embalada pelo som da tua voz.

Acordar contigo. Acordar aconchegada pelos teus braços em mim. Acordar embalada pelo som do teu beijo em mim.

Bom dia, meu amor.
Gosto de nos ter aqui.

terça-feira, 18 de Novembro de 2014

#1413


What am I to you
Tell me darling true
To me you are the sea
Vast as you can be
And deep the shade of blue

When you're feeling low
To whom else do you go
See I cry if you hurt
I'd give you my last shirt
Because I love you so

If my sky should fall
Would you even call
Opened up my heart
I never want to part
I'm giving you the ball

When I look in your eyes
I can feel the butterflies
I will love you when you're blue
Tell me darlin' true
What am I to you

Yeah well if my sky should fall
Would you even call
Opened up my heart
Never wanna part
I'm giving you the ball

When I look in your eyes
I can feel the butterflies
Could you find a love in me
Could you carve me in a tree
Don't fill my heart with lies

I will love you when you're blue
Tell me darlin' true
What am I to you
What am I to you
What am I to you